Argentina: Conheça o Salar de Antofalla

Localizado na região mais isolada da Argentina, deserto de sal mistura paisagens áridas e vulcões com mais de 6 mil metros de altitude
Por conta da ausência total de rodovias pavimentadas, sala tem acesso dificílimo
Por conta da ausência total de rodovias pavimentadas, sala tem acesso dificílimo

Se o centro-sul da Argentina é famoso por suas paisagens de neve e pela diversidade cultural de Buenos Aires, o norte do país mostra um cenário bem diferente do que estamos acostumados. Ao invés de lagos andinos, a região se destaca pelas paisagens desérticas, reflexos da proximidade com o Atacama. É nesse território que fica um dos lugares mais pitorescos e selvagens do país: o Salar de Antofalla, um intocado deserto de sal que fica quase na fronteira com o Chile, na região conhecida como Puna atacamenha.

O salar não tem a imponência de outros desertos de sal dessa região, como o do Atacama, no Chile, o de Uyuni, na Bolívia, e até a Salinas Grandes, na própria Argentina. Em contrapartida, essa região também não recebe a horda de turistas dos salares vizinhos, e é uma grata surpresa para os viajantes mais desavisados - principalmente os mais aventureiros.

A melhor maneira de conhecer essa região é através de carros 4x4, serpenteando o solo árido da província de Catamarca. É um dos locais mais isolados da Argentina, já que carece de boas rodovias e fica a uma altitude de quase quatro mil metros. Em compensação, o visual de vulcões quase extraterrestre é um deleite para os amantes de paisagens exóticas.

Uma das grandes atrações deste salar é o Ojos del Campo, um conjunto de três lagos com formato de "olho", que impressionam pela diversidade de cores. A primeira é azul, a segunda é quase preta, e a terceira tem tons incríveis de laranja.

O único local habitado dessa região é a cidade de Antofalla, que tem menos de cem habitantes e fica na base do vulcão homônimo, que está a mais de 6 mil metros de altitude. A montanha tem três cumes, e também é bastante explorada por aventureiros. Outra boa opção é montar base em Antofagasta de la Sierra, outra minúscula cidade, mas que conta com algumas opções de hospedagem. Vá prevenido contra o frio e a altitude!

GOSTOU DA MATÉRIA?

0
0
0
0

Siga a gente

Não perca nada do Pureviagem siga a gente no Facebook e Twitter:

Nossas recomendações

Argentina: Conheça o Salar de Antofalla

Localizado na região mais isolada da Argentina, deserto de sal mistura paisagens áridas e vulcões com mais de 6 mil metros de altitude

Dicas de Viagem: Jujuy! Conheça a exótica região norte da Argentina

Ainda pouco explorada, San Salvador de Jujuy serve de base para passeios pela região desértica do norte da Argentina

Argentina: se perca pelo Desierto del Laberinto

Você vai se encantar com suas cores que variam entre roxo e laranja

As mais lidas

Brasil fantástico: confira 30 paisagens brasileiras espetaculares
Brasil fantástico: confira 30 paisagens brasileiras espetaculares

Das Cataratas do Iguaçu aos Lençóis Maranhenses, passando pelo Pantanal, selecionamos 30 paisagens das cinco regiões do país para contemplar e inspirar a viajar pelo Brasil

Conheça o Paraíso Perdido, complexo com 18 piscinas naturais em MG
Conheça o Paraíso Perdido, complexo com 18 piscinas naturais em MG

Local foi descoberto na década de 1960, e desde então, atrai ecoturistas por suas belezas naturais. São 18 piscinas, oito cachoeiras e inúmeras opções de passeios

Maragogi: confira os encantos do "Caribe Brasileiro"
Maragogi: confira os encantos do "Caribe Brasileiro"

O destino alagoano oferece piscinas naturais, praias de águas cristalinas, boa gastronomia e atividades para todos os tipos de viajantes

Comente!

comments powered by Disqus