Roteiro de Viagem: 3, 5 e 7 dias em Búzios, pertinho do Rio de Janeiro

Saiba o que fazer e como aproveitar as praias do principal balneário do interior do Rio de Janeiro
Búzios é o lugar mais visitado da Região dos Lagos fluminense
Búzios é o lugar mais visitado da Região dos Lagos fluminense

Búzios é a queridinha dos turistas estrangeiros no litoral fluminense, e não é para menos. A cidade ficou conhecida no mundo inteiro após visita de Brigitte Bardot na década de 1960, a mesma que popularizou o balneário francês de Saint-Tropez (não por acaso, Búzios é comumente chamada de "Saint-Tropez brasileira"). Hoje, o município da Região dos Lagos reúne praias com águas cristalinas, infraestrutura luxuosa, badalação e um toque de glamour sem igual no estado. E justamente por isso atrai tantos visitantes.

Apesar da fama, Búzios é uma península de curta extensão, salpicada por praias dos mais diversos gostos. Na parte voltada para "o continente", o mar é calmo, limpo e ideal para famílias com crianças (exemplo de João Fernandes, Azeda e Tartaruga). Nas praias oceânicas, o mar é agitado, como em Geribá e Tucuns. Em ambos os casos, a dica é sentar na areia, pedir uma bebida e curtir a atmosfera jovem que Búzios proporciona. Se quer sossego, evite os feriados, quando os cariocas invadem a Região dos Lagos e disputam cada cantinho de Búzios.

Outra dica é com relação à hospedagem. A cidade é toda salpicada por bons hotéis, mas escolher uma boa localização fará toda a diferença no seu roteiro. Se for de carro, escolha lugares próximos à praia que melhor lhe convém (mar com ondas em Geribá, mar calminho em João Fernandes, por exemplo). Se estiver a pé, prefira o centro (próximo à Rua das Pedras), que tem boas opções de transporte e fica perto de algumas praias.

Para facilitar a elaboração do seu itinerário, nós fizemos essa pequena sugestão de roteiro de 3, 5 e 7 dias em Búzios. Mesmo com poucos dias, evite sair conhecendo todas as praias de uma vez só. Adapte as praias a sua preferência, e veja tudo abaixo!

Começar por uma caminhada pela charmosa Orla Bardot é uma boa pedida
Começar por uma caminhada pela charmosa Orla Bardot é uma boa pedida

Roteiro de 3 dias

Dia 1

Num roteiro de três dias, o ideal é chegar cedo para aproveitar o primeiro dia de forma plena. Largue as malas no hotel e comece a desbravar Búzios em uma leve caminhada pela Orla Bardot, a mesma que engloba a agitada Rua das Pedras. Caminhe por cerca de 20 minutos, passe pela Praia dos Ossos e conheça a belíssima Praia Azeda (se estiver de carro, estacione nos arredores da Praia dos Ossos). A charmosa praia tem uma extensão curtinha, e um mar calmo e cristalino, ideal para famílias com crianças. Aproveite para tirar umas fotos da pedra que divide a Azeda da Azedinha, praia com extensão ainda menor.

Na parte da tarde, aproveite a pouca distância para conhecer João Fernandes, uma das praias mais frequentadas da cidade. Ela fica a menos de 15 minutos da Azeda, e tem acesso por uma rua de ladeiras à esquerda da trilha que dá acesso à Praia dos Ossos. O espanhol é praticamente a língua oficial de João Fernandes, já que essa é a queridinha dos hermanos em Búzios (esquecemos de falar acima, mas a quantidade de argentinos em Búzios é algo impressionante). A praia tem boa infraestrutura de quiosques e restaurantes à beira-mar.

Tanto a Azeda, quando João Fernandes também podem ser acessadas através dos tradicionais barcos-táxi, que saem da Praia dos Ossos e da Orla Bardot. O valor não é muito salgado, e o passeio é agradabilíssimo (apesar de rápido).

Ao anoitecer, faça o programa obrigatório das noites de Búzios: vá à Rua das Pedras! O local parece um grande shopping ao ar livre, com lojas de grife, restaurantes premiados, e a maior concentração de jovens por metro quadrado da Região dos Lagos. Se preferir, termine a noite em uma das duas casas noturnas internacionais da cidade: a Pacha e a Privilège, coladinhas uma na outra.

Praia Azeda tem mar calmo e cristalino
Praia Azeda tem mar calmo e cristalino

Dia 2

Tente acordar cedo e siga para Geribá, o principal cartão-postal de Búzios. Trata-se da praia mais badalada, e o principal point dos jovens, surfistas e atletas na cidade. No entanto, Geribá foge à regra das principais praias de Búzios: lá, o mar é agitado, a faixa de areia é imensa e a orla é abarrotada de redes de vôlei (ou seja, características bem parecidas com as praias do Rio). A galera jovem costuma se amontoar no canto direito da praia, que conta com bons quiosques, e o badalado bar de praia Fishbone. Se prefere sossego, siga para o canto esquerdo, onde o mar é calminho, ou então vá à praia vizinha de Ferradurinha, que tem acesso por uma pequena trilha. Aproveite o mar calmo de Ferradurinha para praticar stand-up paddle, passear de canoa, ou praticar mergulho.

Geribá é o point dos jovens em Búzios
Geribá é o point dos jovens em Búzios

Dia 3

Se prefere sentar na areia e curtir o sol, escolha uma das praias que nós sugerimos para os próximos dias do roteiro. Se não, a dica é aproveitar o terceiro dia para fazer o tradicional passeio de escuna, que percorre as principais praias voltadas para o lado "continental" da península (onde o mar é calmo). O tour dura cerca de três horas, com direito a três paradas para mergulho. O embarque é feito na Orla Bardot.

Depois, aproveite para curtir o entardecer nessa região, que tem um pôr-do-sol magnífico. À noite, opte novamente por curtir a agitada Rua das Pedras.

Roteiro de 5 dias

Dia 4

Com um pouco mais de tempo, você pode aproveitar para esticar a canga e passar a tarde inteira numa só praia. Se conseguiu conhecer todas as anteriores, aproveite o quarto dia para visitar a Praia da Ferradura. Essa é, talvez, a praia com mar mais calmo de toda a cidade, e por isso, é ideal para famílias com crianças. A estrutura é boa, com quiosques, bares de praia, barracas e até alugueis de pedalinho (pra você ver como a água é calma!).

Ferradura também tem mar calmo
Ferradura também tem mar calmo

Dia 5

Mais uma vez, aproveite para esticar sua canga na areia, e curtir mais uma praia da cidade. Sugerimos a dobradinha Manguinhos/Tartaruga, praias vizinhas mas com personalidades próprias. Em Manguinhos, curta o mar calmo e não hesite em tomar umas caipirinhas no Porto da Barra, complexo com mais de 15 bares e restaurantes à beira-mar. Ao entardecer, corra para a Tartaruga, que tem o pôr-do-sol mais bonito e exclusivo de Búzios. À noite, vá à Rua das Pedras e coma um crepe no Chez Michou, restaurante mais famoso da cidade.

Roteiro de 7 dias

Dia 6

Com uma semana, você pode aproveitar até as cidades vizinhas da Região dos Lagos. Comece visitando Arraial do Cabo, a capital do mergulho no Rio de Janeiro. A cidade fica a cerca de 30 quilômetros de Búzios e, para muitos, tem praias até mais bonitas que a vizinha mais famosa. Por lá, aproveite para conhecer as paradisíacas Praia do Forno (acessível por uma pequena trilha) e as Prainhas do Pontal do Atalaia, consideradas as mais bonitas do estado. Em ambas, o mar é absurdamente cristalino (e gelado!).

Se não tiver tempo para conhecer tudo, prefira fazer o passeio de barco que percorre as principais praias do município. Nele, ainda é possível conhecer a exclusivíssima Praia do Farol, que é protegida pela Marinha e só tem acesso de carro. Para muitos, é a praia mais bonita do Brasil.

Vizinha de Búzios, Arraial do Cabo reúne as praias mais bonitas da região
Vizinha de Búzios, Arraial do Cabo reúne as praias mais bonitas da região

Dia 7

No último dia, aproveite para conhecer Cabo Frio, o maior município da região, e que também reúne boas praias. Estique a cadeira na Praia do Forte, que tem um mar cristalino e relativamente agitado. À tarde, conheça a belíssima Ilha do Japonês, uma ilhota que fica no meio do Canal do Itajuru, e oferece verdadeiras piscinas naturais. O acesso é fácil, mas a estrutura da região é bem simples.

GOSTOU DA MATÉRIA?

3
2
1
4

Siga a gente

Não perca nada do Pureviagem siga a gente no Facebook e Twitter:

As mais lidas

Brasil fantástico: confira 30 paisagens brasileiras espetaculares
Brasil fantástico: confira 30 paisagens brasileiras espetaculares

Das Cataratas do Iguaçu aos Lençóis Maranhenses, passando pelo Pantanal, selecionamos 30 paisagens das cinco regiões do país para contemplar e inspirar a viajar pelo Brasil

Conheça o Paraíso Perdido, complexo com 18 piscinas naturais em MG
Conheça o Paraíso Perdido, complexo com 18 piscinas naturais em MG

Local foi descoberto na década de 1960, e desde então, atrai ecoturistas por suas belezas naturais. São 18 piscinas, oito cachoeiras e inúmeras opções de passeios

Maragogi: confira os encantos do "Caribe Brasileiro"
Maragogi: confira os encantos do "Caribe Brasileiro"

O destino alagoano oferece piscinas naturais, praias de águas cristalinas, boa gastronomia e atividades para todos os tipos de viajantes

Comente!

comments powered by Disqus