Turismo na Tailândia: confira o que fazer no país

Templos surpreendentes, praias paradisíacas e uma capital caótica e fascinante. Veja porque a Tailândia tem de tudo para ser o seu próximo destino de viagem
Maya Bay, em Koh Phi Phi, é um dos paraísos do sul da Tailândia
Maya Bay, em Koh Phi Phi, é um dos paraísos do sul da Tailândia

Com mais de 25 milhões de turistas estrangeiros desembarcando no país a cada ano, a Tailândia se consolidou como o principal destino de viagem do Sudeste Asiático, atraindo diversos perfis de visitantes – de mochileiros a pessoas que procuram conforto e luxo em meio a cenários naturais paradisíacos.

A capital Bangcoc, um dos lugares mais visitados do mundo, oferece uma experiência de viagem memorável. Muitos consideram que sua agitada vida noturna - uma das melhores do planeta - é o principal cartão de visitas, mas a cidade guarda uma série de outras atrações imperdíveis, como templos, palácios, mercados, estátuas religiosas e uma grande variedade de comidas de rua.

No sul do país, pulando de ilha em ilha, é possível conhecer paraísos de águas cristalinas e perfeitas para a prática de mergulho e snorkeling. Algumas praias ganharam o estrelato após servirem de cenário para grandes produções cinematográficas de Hollywood.

Dividimos o país em três principais zonas de interesse turístico e listamos suas atrações imperdíveis. Confira:

1. Edifícios históricos e templos de Bangcoc

Nenhuma viagem a Bangcoc estaria completa sem uma visita ao impressionante Grand Palace, um dos principais marcos arquitetônicos da cidade. Finalizada em 1782, a construção serviu de residência oficial aos reis de Sião (e mais tarde Tailândia) até meados do século passado, com a morte do Rei Ananda Mahidol.

Dentro do complexo do palácio estão diversos edifícios impressionantes, incluindo o Wat Phra Kaew (Templo do Buda de Esmeralda), que abriga o pequeno, mas famoso e reverenciado Buda de Esmeralda que, na verdade, é feito de pedra jade e roupas de fios de ouro.

O Grand Palace é um dos principais símbolos arquitetônicos da capital Bangcoc
O Grand Palace é um dos principais símbolos arquitetônicos da capital Bangcoc

Saindo do Grand Palace, é possível ir a pé até Wat Pho, maior e mais antigo templo da capital tailandesa. A grande estrela é, sem dúvida, o enorme Buda reclinado e banhado a ouro. A estátua mede 46 metros de comprimento e 15 metros de altura. Fica até difícil fotografá-la por inteiro.

Além do Buda, o templo atrai também muitos turistas em busca da tradicional escola de massagens de monges budistas e do centro de aprendizagem de ervas medicinais. Como a massagem é feita pelos alunos do curso, os preços são mais em conta em relação a outros pontos da cidade.

Com 46 metros de comprimento, o Buda reclinado é a atração principal do templo Wat Pho, na capital tailandesa
Com 46 metros de comprimento, o Buda reclinado é a atração principal do templo Wat Pho, na capital tailandesa

Outros templos que valem a visita é o Wat Saket, o "Templo da Montanha Dourada", localizado no topo de uma colina no distrito de Pom Prap Sattru Phai, e o Wat Arun, conhecido localmente como Wat Chaeng. Neste último, a localização ribeirinha, quase em frente ao Wat Pho, rende belas fotografias.

2. Praias e ilhas do sul

A Tailândia tem mais de cinco mil quilômetros de trechos litorâneos à disposição do turista. No lado do mar de Andaman, na costa sudoeste, estão Phuket e Krabi, dois importantes destinos turísticos e bases para explorar as principais ilhas da região.

Phuket, a maior ilha do país, tem algumas das praias mais tranquilas da região, em contraponto com Patong, a praia e cidade conhecida pela cena noturna badalada. Já Krabi é um prato cheio para os amantes da natureza, combinando praias de águas mornas, cavernas e cachoeiras. Não perca Railay Beach e seu pôr do sol mágico.

Koh Poda, uma das ilhas paradisíacas da província de Krabi
Koh Poda, uma das ilhas paradisíacas da província de Krabi

Desses dois lugares, pegue um barco e descubra, por exemplo, as praias de areia branca e água cristalina de Koh Phi Phi, que se divide em duas ilhas: Phi Phi Don, a parte onde estão os hotéis e comércio, e Phi Phi Leh, onde fica Maya Bay, a praia que ganhou fama após servir de cenário para o filme "A Praia", estrelado por Leonardo di Caprio.

Outro destino que ficou conhecido por conta de uma produção cinematográfica foi Koh Tapu, na baía de Phan Nga. Na década de 1970, o lugar recebeu a equipe do longa '007 Contra o Homem com a Pistola de Ouro'. Após o sucesso do filme, passou a ser chamada de "Ilha do James Bond".

"Ilha do James Bond" serviu de cenário para um dos filmes do famoso agente secreto dos cinemas
"Ilha do James Bond" serviu de cenário para um dos filmes do famoso agente secreto dos cinemas

Do lado oposto ao mar de Andaman, no Golfo da Tailândia, as ilhas mais populares atendem pelos nomes de Koh Phangan, onde ocorre a famosa festa "Full Moon Party", Koh Tao e Koh Samui.

3. Explore o norte da Tailândia

Indo de Bangcoc rumo ao norte, o primeiro ponto de interesse é Ayutthaya, a antiga capital tailandesa. Fundada em 1350, a cidade foi um importante centro comercial e cultural por conta de sua localização estratégica, entre a China, a Índia e o arquipélago malaio. Por volta de 1700, Ayutthaya se tornou a maior cidade do mundo, com cerca de 1 milhão de habitantes.

Hoje, algumas ruínas existentes na cidade dão uma ideia de como era o passado de Phra Nakhon Si Ayutthaya, o nome completo da localidade. A maioria dos vestígios, muitos deles cuidadosamente restaurados, são templos, estátuas, monastérios e prangs (torres esculpidas e características da arquitetura Khmer).

O grande valor cultural de ruínas de Ayutthaya foi reconhecido oficialmente em 1991, quando a cidade histórica se tornou um Patrimônio Mundial da Unesco. Como fica a apenas 85 quilômetros de Bangcoc, é possível fazer um "bate-volta" de carro, trem ou barco desde a capital tailandesa.

As estupas budistas no templo de Wat Chai Watthnaram, em Ayutthaya
As estupas budistas no templo de Wat Chai Watthnaram, em Ayutthaya

Mais ao norte, a 615 quilômetros de Ayutthaya, fica Chiang Mai, a segunda maior cidade do país e capital cultural do norte da Tailândia. Não é difícil entender porque o lugar atrai tantos turistas. Entre as atrações estão mais de 300 templos budistas, trilhas pelas montanhas, mercados, cachoeiras, passeios de elefante e cursos de todos os tipos, com destaque para os culinários.

De Chiang Mai, não deixe de contratar um passeio para conhecer três atrações: Tiger Kingdom, um santuário para tigres, a tribo das 'mulheres-girafas' (com argolas no pescoço) e o Wat Rong Khun, o surpreendente Templo Branco, próximo da cidade de Chiang Rai.

O surpreendente Wat Rong Khun, conhecido como "Templo Branco, próximo da cidade tailandesa de Chiang Rai
O surpreendente Wat Rong Khun, conhecido como "Templo Branco, próximo da cidade tailandesa de Chiang Rai
Se tiver com mais tempo no país, siga viagem para a província montanhosa de Mae Hong Son, perto da fronteira com o Mianmar. A bucólica cidade de Pai, na porção nordeste da região, é um destino popular entre mochileiros e um bom ponto de partida para passeios de trekking.

GOSTOU DA MATÉRIA?

6
0
0
1

Siga a gente

Não perca nada do Pureviagem siga a gente no Facebook e Twitter:

Nossas recomendações

Tailândia: Perdeu o Festival das Luzes? Saiba como ir ano que vem!

Durante o mês de novembro, o país também recebe outro festival imperdível, o Festival das Lanternas!

Tailândia tem ilha preservada e paradisíaca!

Koh Lanta é o destino perfeito para quem busca uma viagem relaxante!

Tailândia: santuários de elefantes que protegem os animais

Existem reservas ecológicas no país que protegem os bichos e prezam pelo turismo sustentável

As mais lidas

Brasil fantástico: confira 30 paisagens brasileiras espetaculares
Brasil fantástico: confira 30 paisagens brasileiras espetaculares

Das Cataratas do Iguaçu aos Lençóis Maranhenses, passando pelo Pantanal, selecionamos 30 paisagens das cinco regiões do país para contemplar e inspirar a viajar pelo Brasil

Conheça o Paraíso Perdido, complexo com 18 piscinas naturais em MG
Conheça o Paraíso Perdido, complexo com 18 piscinas naturais em MG

Local foi descoberto na década de 1960, e desde então, atrai ecoturistas por suas belezas naturais. São 18 piscinas, oito cachoeiras e inúmeras opções de passeios

Maragogi: confira os encantos do "Caribe Brasileiro"
Maragogi: confira os encantos do "Caribe Brasileiro"

O destino alagoano oferece piscinas naturais, praias de águas cristalinas, boa gastronomia e atividades para todos os tipos de viajantes

Comente!

comments powered by Disqus